Sua primeira namorada – e outras coisas que sites de busca armazenam a seu respeito

A era do “Grande Irmão” já começou. Conceito criado por George Orwell, em que todos estão sendo observados em todo o lugar já acontece na internet.

Por COMPUTERWORLD
27 de julho de 2007 – 18h00

E se houvesse uma base de dados gigante que contivesse suas mais secretas inseguranças e segredos, como questões médicas embaraçosas ou que você ainda sonha em sua primeira namorada colegial. Bem, isto já existe – se você por acaso já colocou em qualquer site de buscas tópicos como esses citados.

O fato é: sites de busca como Google, Yahoo ou Microsoft Live Search gravam e mantém em seus bancos de dados todos os termos que você busca, com data e hora em que as informações foram processadas. Como se não bastasse isso, ele ainda guarda o endereço IP da sua máquina e uma identificação baseada em um cookie. Com isto, os sites conseguem rastrear os dados que um computador busca, mesmo se a conexão mudar. E assim constroem um histórico de seus interesses.

O Microsoft Live Search também grava o tipo de busca que você pediu (se é imagem, web, local, entre outros). O Google, por outro lado, armazena seu browser e idioma que você utiliza. E quando você clica em um link a partir do Google, isto ficará armazenado.

É importante ressaltar que o Google anunciou que todas as informações são mantidas em seus servidores de forma anônima e serão automaticamente apagadas 18 meses depois de entrarem no sistema. A Microsoft e o Yahoo, no entanto, não se manifestaram ainda sobre isso.


Não há razão para preocupação

Alguns dizem que não é preciso se preocupar, já que os logs dos servidores não associam necessariamente todas as informações com um nome completo ou um endereço de email. Porém, se você tiver uma conta no “Gmail”, por exemplo ou serviços adicionais como calendários e redes sociais, é possível fazer a conexão. Quem alerta para isto é Brad Templeton, chairman do board da Electronic Frontier Foundation, um grupo norte-americano que protege liberdade e privacidade no cyberespaço.

Isto está soando como a teoria do George Orwell para você? Pois para muitas outras pessoas também. Um grupo nos Estados Unidos chegou a emitir um abaixo-assinado para a Federal Trade Comission sobre a aquisição da DoubleClick pela Google. O grupo afirma que esta compra irá trazer ao Google informações sobre comportamento de grupos de consumidores.

Essa questão ainda irá gerar muita polêmica no mundo todo.

~ por Izildo Souza em julho 27, 2007.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: